I got a crush on Obama… girl

13 Dez

O mais novo produto com a chancela da emissora americana Comedy Central resume em pouco menos de duas horas a força que tem o personagem George W. Bush, alvo principal das chacotas de comediantes nos últimos oito anos. Lançado no fim da semana passada do mês passado nos Estados Unidos, o DVD Comedy Central salutes George W. Bush compila episódios dos programas South Park, Lil’ Bush, That’s my Bush! e outros. Todos apresentam a mesma premissa anunciada pela equipe do canal da TV paga: “A risada, as lágrimas e o ‘Oh não, foi isso mesmo que ele disse?’. Você vai certamente rir com ele (ou, melhor dizendo, dele) assistindo a esse tributo”.

Fundador do projeto Barely Political (www.barelypolitical.com), que espalhou videoparódias pela internet durante o processo eleitoral, Ben Relles reconhece a força de Bush como ícone na cultura pop.

– Para os humoristas, Clinton é um garanhão, Bush e Sarah Palin são idiotas, John McCain é velho, e por aí vai. Mas concordo com os comediantes com os quais conversei: é difícil fazer piada com o Obama – explica Relles.

Sem seu palhaço favorito, até que ponto as produções que buscam gargalhadas da audiência ficam enfraquecidas?

– A economia americana vai mal, e, em períodos como este, historicamente as pessoas tendem para a comédia. Mas não acho que comediantes vão achar algo na personalidade de Obama para se agarrar – reitera.

Maior estrela da companhia, a atriz e modelo Amber Lee Ettinger (a Obama girl do vídeo I got a crush on… Obama, que tem pouco mais de 1 milhão e 200 mil acessos) vê no fascínio que Obama exerce a chance de se extrair humor da aparentemente blindada figura do político.

– Ele tem uma mensagem inspiradora de mudança. A Obamamania pode diminuir com o tempo, mas ele como parte da cultura pop é algo que veio para ficar – reconhece Amber.

Uma das maiores provas da possibilidade de se brincar com Obama é o vídeo por ela estrelado, em que – como nas camisetas das quais se diz fã – seus supostos superpoderes abastecem o repertório dos engraçadinhos.

– As pessoas me reconhecem, especialmente em eventos políticos. Depois da eleição, fomos para o Times Square e ficaram alucinados com a minha presença.

Por Braulio Lorentz – publicada no Caderno B de 30/11/2008

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: